quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Conheça a advogada, cadeirante, que contracenou com o cantor Lucas Lucco

Gente, “Quando Deus Quer” é o nome de uma das músicas do cantor e ator Lucas Lucco que interpreta Uódson na novela Malhação. Para quem não lembra, ele ficou famoso com o clipe de “Mozão” que conta a história, de um jovem rapaz que, ao descobrir que sua mulher tem câncer, continua ao lado dela, dando total apoio. Depois de 5 anos do diagnóstico, já curada, ela descobre que está grávida e o casal termina feliz.

Já no clipe da música“Quando Deus Quer”, Lucas Lucco interpreta o esposo de uma mulher cadeirante, que o apoia totalmente quando ele fica desempregado.  Como vocês podem ver ao longo do vídeo, são mostrados depoimentos de mulheres com deficiência  inclusive de Caroline Krieger, que interpretou a esposa do cantor.


Ela se tornou  tetraplégica aos 23 anos de idade e hoje é Bacharel em Direito,na cidade de Brusque - SC. Mas, como essa advogada saiu de Santa Catarina para cair nos braços e ser beijada por um dos novos galãs da televisão?  A resposta dessa e de outras você confere abaixo.
Como você definiria Caroline Krieger?
Eu sei que é frase feita, mas acho que quem se define se limita. Como diz a música: Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante...
Na entrevista que você deu ao Município Mais, você falou “(...) acordei e estava tetraplégica(...)”, como é essa sensação de acordar e não conseguir movimentar nada do pescoço para baixo?
Foi como estar num pesadelo e não acordar mais, demorou cair a ficha.

Como foi o processo de redescobrir motivos para sorrir, após ter ficado tetraplégica?

Foi lento, rs. A passos de formiga. Um dia de cada vez. Dois passos pra frente e um pra trás. Mas você descobre que você tem que se ajudar, porque se você não fizer, ninguém vai fazer por você. Tem que tentar achar o lado positivo de tudo.

Já sentiu ou sente alguma espécie de preconceito?E como você lida com essa situação?
Sim, tem de todas as formas, às vezes velado, às vezes escancarado. Eu passo por cima, quem tem problema são os preconceituosos, não eu.
Como e quando surgiu a oportunidade de participar do clipe do cantor Lucas Lucco?
Foi um amigo meu da época do colégio, o Claus, que e amigo do Diretor do clipe, o Alex Batista. Ele ficou sabendo e me indicou e acabei sendo escolhida.
Como foram as gravações?
Foi uma das melhores experiencias da minha vida. Todas as pessoas envolvidas fizeram ser tudo maravilhoso. Foram 3 dias que nunca sairão da minha memória.


Pretende fazer outros tipos de trabalho como atriz ou modelo?
Nunca tive essa pretensão, mas nunca diga nunca, né?
Por que você escolheu o Direito?
A princípio porque não tinha números, hahaha.
Como Bacharel em Direito qual sua opinião sobre a Lei Brasileira de Inclusão?
Eu acho que e uma vitória pra esses mais de 45 milhões que somos, depois de 15 anos tramitando no Congresso. Porque garante uma série de direitos no âmbito da vida do deficiente.
Na sua opinião, que mudanças poderiam ser vistas e sentidas pelas pessoas com deficiência se mais cantores e atores falassem em shows, eventos e na TV sobre a importância da acessibilidade e da inclusão?
Acho que mais visibilidade traria mais consciência de inclusão e adequação dos lugares

Quais seus planos para o futuro?
Já fiz muitos planos e veio o destino e os mudou todos, então hoje não faço mais. Vivo um dia de cada vez.

Que mensagem você deixa para os leitores desse blog?
Não desanime. A vida e feita de escolhas, escolha ser feliz.

Então é isso, amores! Espero que tenham gostado! E quem quiser conhecer melhor a Caroline basta seguí-la no Facebook, Instagran ou Snapchat.

*Fotos de arquivo pessoal
Participe também! Qual é sua história? O que faz bater forte seu coração? O que te dá ânimo? Conte para mim, conte para nós e veja o resultado. Me adicione no Skype claudiacma7@gmail.comou me envie um e-mail para claudiacma7@gmail.com com seu nome, idade, estado civil, cidade, que eu vou ler com carinho. Responderei com mais perguntas, se achar preciso e depois, publico aqui, no Blog e nas redes sociais.


Se quiser conhecer outras histórias inspiradoras, já publicadas, basta clicar AQUI, nas Entrevistas


Siga também:
Instagram @claudiacma7
Facebook De papo com Cláudinha

Nenhum comentário:

Postar um comentário