sábado, 13 de fevereiro de 2016

Estamos de luto


Com o dia 08 de março de 2015, Dia Internacional da Mulher, eu juntamente com o Hamilton tivemos a ideia de homenagear as  mulheres com deficiência.“No Brasil, mulheres com deficiência correspondem a 13,53% dos 45,6 milhões de brasileiros com alguma deficiência, de acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE – 2010)”. (http://inclusivass.blogspot.com.br/p/documentos.html).

Ou seja, são aproximadamente 7 milhões de mulheres com algum tipo de deficiência, que além de enfrentarem diariamente a falta de acessibilidade, também enfrentam discriminação em razão da idade, da classe socioeconômica, da orientação sexual, de etnia e religião.

Eu e Benomia na IV Conferência Estadual das Mulheres do RN- 2015 

Entretanto, para Benomia Rebouças as “limitações” nunca foram vistas como motivo para ela ficar parada no tempo e no espaço. Por isso, quando a entrevistei coloquei o título “BENOMIA REBOUÇAS, UMA MULHER COM OSSOS DE CRISTAL E NERVOS DE AÇO”.

Entretanto, ela ontem partiu da nossa esfera terrestre e como deixou registrado meu amigo José Mário, em seu blog, ela “faleceu mais deixou a voz gravada nas memorias daqueles como  ativistas do Movimento de Luta das Pessoas com Deficiência e  do Fórum de Mulheres com Deficiência em Mossoró”.

Ela era muito amada e nunca será esquecida, e quem ficou deve transformar a história de sua vida como modelo e exemplo para outras pessoas com deficiência.

A toda família e amigos, apesar da dor que vocês estão sentindo  nesse momento tenham a certeza que ela deve estar lá ao lado de Deus, rodeada de anjos sem sentir dor, angústia,  medo, tristezas, olhando por nós.

Então, como representante do Movimento das Pessoas com Deficiência do Seridó e Movimento das Mulheres do Seridó só tenho que agradecer pela sua amizade, carinho e disposição em nos ensinar e, por fim, deixar as condolências à família.

Atenciosamente,
Cláudia Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário